Imagine Zayn Malik - Eu nunca vou esquecer de você

| | |







- é isso o que você quer?

- foi isso o que você quis Zayn.
Ele abaixou cabeça e eu arrumei a alça da minha bolsa sobre o ombro, ele me olhou e pude notar o vermelho nos seus olhos. E tarde demais.
- eu ainda te...
- pare Zayn, por favor. 
Eu o interrompi antes que completasse, isso doeria mais do que eu estou sentindo agora.
- você realmente vai embora? - Ele me perguntou.
- você espera o que? que eu ficasse e te beijasse e começasse a fingir que você não colocou outra na minha cama? - eu gritei e ele esfregou os olhos.
- eu estava com raiva e bêbado e ela me puxou, sn eu juro! eu te amo eu não quero que você vá.
- pra mim chega Zayn, chega, eu estou indo embora e por favor, não me procure.
Ele segurou meu braço e nos encaramos, seus olhos marcados com as lágrimas que ele lutava para não deixa-las cair, seu rosto estava formado em uma careta de dor e angustia, tentei ao máximo não me mostrar tocada, mas quando ele sussurrou um "eu te amo" apenas para que eu pudesse ouvir, meu coração se apertou e a cada respiro era como se eu levasse socos, eu o amo, mas não consigo, não agora, soltei meu braço e limpei as lagrimas do meu rosto.
- adeus Zayn.
- eu não vou esquecer de você.
e bati a porta, andei rapidamente ate o meu carro antes que mudasse de ideia, olhei mais uma vez para aquela casa tive os melhores momentos ali, senti o vento bater contra meu rosto e fechei o vidro da janela, agora sera apenas nós dois pequeno, suspirei olhando para minha barriga, eu pretendia contar que estava gravida, mas deu tudo errado, e o que ele fez eu não sei se aguentaria perdoa-lo tao cedo por mais que o meu amor seja maior que tudo isso. 
Fazia 2 meses que eu havia ido embora da casa do Zayn, ele veio diversas vezes ate a casa da minha mãe me procurando, mas eu me escondia, e apenas ouvia.



Flashback 




Estava na cozinha com a minha mãe quando ouvimos um carro estacionar, olhei pela janela e vi Zayn sair do carro totalmente bagunçado, a barba por fazer, olheiras evidentes, meu coração doeu e eu corri antes que ele visse.

- mãe manda ele embora, não  fala que eu estou aqui, por favor.
 Ela me olhou totalmente sem reação e assentiu atordoada, fui ate um dos quartos que davam para olhar para a sala, quando eu o vi entrar e olhar para os lados.
- cade a sn senhora Loufinght? - ouvi ele dizer. - eu preciso dela, preciso ver ela.
- ela não esta aqui Zayn, ela não quer ver você novamente. - minha mãe disse totalmente calma.
- mentira, eu sei que ela me ama, eu errei, mas eu a amo ela sabe disso, o que sentimos um pelo o outro e verdadeiro, cade ela? - olhei ele a tempo de ver ele ajoelhado no chão, chorando, meus olhos queimavam com as lagrimas que insistiam em cair cada vez mais, eu não queria vê-lo dessa forma, queria puxa-lo para os meus bracos e dizer que estava tudo bem e que iriamos formar uma família linda, mas não.
Vi minha mãe se ajoelhar na frente dele e dizer alguma coisa, ele se levantou bruscamente e tirou um papel do bolso.
- eu não vou deixa- la um dia iremos nos reencontrar, só queria saber por que ela me escondeu que estava gravida, porque. -ele passou as mãos pelo cabelo enquanto eu processava ele jogou o papel no chão e saiu batendo a porta, corri ate a sala assustando minha mãe, peguei o papel e percebi que tremia, pingos de lagrimas caiam sobre a palavra positivo a manchando em seguida, olhei minha mãe que me abracou e eu chorei em seu colo abracando minha barriga. 



Flashback off 




Eu estava decidida a ir embora da casa da minha mãe, ir morar no centro, ela relutou por eu estar gravida, mas em seguida aceitou, eu não poderia correr o risco de encontrar com ele.

3 anos haviam se passado, eu estava com o meu pequeno Hayser, eu lecionava em uma escola particular infantil aonde meu filho estudava, estava na minha mesa enquanto via as crianças brincando, olhei meu pequeno, ele estava a cara do Zayn, não consigo esquecer o próprio, por mais que eu quisesse, era apenas olhar para o meu filho que eu me lembrava de todos os melhores momentos que eu passei ao lado do Zayn, suspirei fundo e olhei para a porta da sala vendo a diretora sorrir olhando as crianças, me levantei indo ate ela.
- essas crianças são anjinhos. -ela disse ainda olhando para eles, isso me fez sorrir concordando.
- sim são, belos anjinhos. - eu disse.
- mas eu vim aqui para te dizer que o professor de apoio de de inglês das crianças já esta ai fora. - eu me surpreendi, sabia que por causa da nova lei teriam 2 professores por classe, mas não sabia que o meu apoio fosse tao rápido.
- ah sim, mande-o entrar. - ela assentiu e eu voltei para minha mesa, fechando a lista enquanto vi a porta ser aberta novamente e o silencio reinar na sala.
- Ola crianças. Meu corpo gelou, aquela voz, aquela voz, não podia ser, eu olhei para quem estava ali e só confirmou, ele sorria para as crianças mas quando seu rosto se virou na minha direção, ele ficou serio, seu rosto não demostrava nada a mais do que surpresa, pisquei repetidamente em busca de acordar de mais um sonho, ou o inicio de um pesadelo.
Eu me levantei, sentindo minhas pernas cravarem o chão, andei ate ele, minhas vistas embaçando por causa das lagrimas.
- ola Zayn.
Ele sorriu sem humor e olhou para as crianças.
- ola crianças eu sou o tio Malik, ou apenas tio, como preferirem e vou ajudar a professora com vocês.
As crianças pareciam gostar dele, sorriram, eu voltei a minha mesa, e meu corpo gelou quando vi aquele serzinho se levantando quase caindo e o Zayn se apressou para conseguir segura- lo a tempo, ele olhou para ele.
- hey calma garotão! - Zayn disse e o pequeno continuou la, apenas o olhando, logo ele se distanciou e pegou sua folha e veio ate mim.
- mamãe olha meu desenho. - Eu peguei e olhei, era um monte de rabiscos, sorri e percebi que alguém nos encarava, olhei para cima e vi Zayn me olhando com algo parecido com horror nos olhos, eu beijei Hayser na bochecha sentindo as lagrimas caírem.
Ele me olhou e olhou para o Zayn, e foi caminhando ate ele.
Zayn o pegou no colo, parecia todo bobo, encarando cada centímetro do rosto dele, meu corpo tremia, eu não sabia o que dizer. Zayn me olhou com os olhos vermelhos.
- oia meu desenho. - Hayzer disse e Zayn pegou o vendo e sorrindo tao idiotamente que me fez rir, ele colocou o Hayzer no tapete que voltou a "pintar". 
Zayn evitou me encarar o restante do dia, eu sabia que não poderia mais esconder nada, quando as mães começaram a buscar seus filhos, Zayn arrumava os brinquedos das crianças, quando todos já haviam ido embora, Hayzer estava com a sua mochila nas costas e encarava o Zayn sem parar. Zayn me olhou e em seguida olhou para ele e sorriu. Eu peguei na mão do Hayzer o fazendo prestar atenção em mim.
- vamos pra casa filho? - eu perguntei a ele, ele parou de andar e olhou para o Zayn que andava atrás da gente, pegou na mão dele, nos surpreendendo.
- o papai vai pra casa com a gente? 
Hayzer disse e eu me senti tonta, Zayn não dizia nada, apenas andamos ate o meu carro, coloquei Hayzer na cadeirinha e me voltei para o Zayn, pude olhar para o seu rosto, não havia mudado em nada, sua barba de 2 dias já aparentava, sua camiseta de linho branca, com calca jeans e um tênis, o deixando mais desejável.
- Zayn precisamos conversar, e tem que ser logo.
Ele não disse nada apenas assentiu e entrou no carro, dirigi em silencio, ignorando o que a presença dele me causava, quando chegamos na minha casa peguei Hayser no colo o mesmo já estava dormindo, abri a porta e joguei minha bolsa no sofá.
- sinta-se a vontade vou coloca-lo na cama. - eu disse e fui ate o quarto do Hayser o colocando na cama devagar para não acorda- lo, olhei para a foto da comoda, era eu e o Zayn abraçados e jogados no sofá. Sai das minhas lembranças e voltei para a sala, Zayn estava la, passando as mãos pelo cabelo como se estivesse pensando, eu me aproximei e me senti como uma garota de 15 anos.
- pronto. - seu olhar veio de encontro ao meu e ele se levantou.
- porque, porque me privou de conhecer meu filho? - ele cuspiu as palavras em cima de mim e pela primeira vez, parecia que nenhum argumento era valido.
- eu... Eu... - tentei argumentar mas não consegui, eu já sentia minhas vistas embacas. - eu fiz tudo errado.
- agora você percebeu?? Você tirou uma das minhas maiores felicidades sn, sabe o quanto eu chorei todos os dias que estive com aquele teste de gravidez na mão? Vendo que havia perdido você e meu filho? Como você acha que eu dormia sabendo que tinha um filho que eu amava, sem ao menos conhecer, com você nos meu pensamentos, de todas as formas possíveis de gravidez? Eu sonhei com o rosto dele, sonhei como nos sendo uma família! E você me privou de tudo isso! - Zayn gritou na minha frente e eu já não podia controlar meu choro, ele estava certo.
- você me traiu! Você colocou outra no meu lugar! Você colocou outra acima de quem sempre te amou Zayn, você procurou isso! - eu falei gritando e ele me olhou como se eu fosse um estupida.
- DA MESMA FORMA SN! VOCÊ COM A SUA BIRRA PRIVOU UM PAI DE CONHECER O FILHO, DO NOSSO FILHO CRESCER SEUS PRIMEIROS ANOS SEM UM PAI. - ele gritou novamente.
- para de gritar, vai acorda- lo! Eu sei que eu errei mas não se faça de santo Zayn, eu sempre deixei claro ao Hayzer que você e o pai dele, o quarto dele tem fotos suas, ele te reconheceu assim que você pisou os pés naquela sala!! Ele te ama como filho e você sabe, ele te chama de pai, ele não é burro Zayn, ele sempre pensou que você apenas trabalhava muito para ver ele! - eu disse vendo Zayn começando a chorar.
- você é uma idiota! Me fez sofrer todo esse tempo e eu ainda te amando como se nada fosse quebrar isso! - ele disse e eu o encarei perplexa.
- eu digo o mesmo, eu só quero ver meu filho....
- nosso. - Zayn me interrompeu.
- nosso - me corrigi- feliz Zayn, só isso.
- eu não quero deixa-lo, nunca mais, quero colocar tudo em ordem.
Ele me encarou e eu mordi meu lábio tentando controlar o choro em vão, foi quando a minha ficha caiu, eu fui a errada, eu.
- me perdoa Zayn, me perdoa por ter te afastado dele, eu estava com medo com raiva de você, me perdoa. - Zayn me olhou e em seguida me empurrou contra a parede ficando próximo a mim, senti sua testa contra a minha.
- eu disse que nunca esqueceria de você não foi? E eu não menti quando disse isso, eu tenho que pedir o seu perdão, por tudo de errado que eu te fiz, se a minha promessa de te fazer feliz foi quebrada quando eu te trair, mas nunca esperei que as coisas fossem acabar dessa for...
Eu o beijei o fazendo calar a boca, nossas lagrimas se misturavam durante o beijo, chorava enquanto o beijava, passei minhas mãos por seu rosto e ele me segurava firme pelo cabelo, nos sentimos ser empurrados e olhamos para baixo vendo Hayzer cocando os olhos emburrados, nos olhamos e rimos, Zayn o pegou no colo, e eu limpei as lagrimas.
- papai você não vai mais embora né? 
Hayzer disse o Zayn apertou seu nariz.
- não filhão, nunca mais! 
Eu o abracei e Hayzer passou a mão pelo meu rosto sorrindo.
- nunca mais... - eu e Zayn dissemos.

---------------

Oi gente, voltei, nem cheguei passar os 15 dias viajando ahsuhaua pois é! Voltei com esse imagine do Zayn, bem não sei se voces gostaram, mas eu gostei dele, é simples mas eu ja tava com vontade de faze-lo a algum tempo ahusha então, gostaria de avisar que esse fim de semana e ate o meio da semana que vem, eu irei postar uma maratona de imagines hots! desculpe a quem não gosta ou se sente ofendido com esse tipo de imagines, apenas ignore quando ver! só não me insultem ou insultem o blog por que tem gente que gosta, e eu não faço muitos. Outra novidade! Como sabem, TIY está na 3 e ultima temporada.. AAAAHHHHHHHHHHH! sim, estou com o coração partido de escrever essas ultimas palavras, mas é ela esta acabando! E eu ja estou trabalhando em uma nova fic <3
Boa noite baby's

9 comentários:

  1. Nossa q perfeito mds...Ah não acabe comigo TIY foi a primeira fic q eu viciei msm vei...Ah posso te perguntar uma coisa?...Quantos anos vc tem?...E a sua foto do perfil e vc mesma?

    Xx ManuuxX

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn obrigada anjo, não sou eu na foto, não sou linda hahshahs eu tenho 16 anos..

      Excluir
  2. Nossa q perfeito mds...Ah não acabe comigo TIY foi a primeira fic q eu viciei msm vei...Ah posso te perguntar uma coisa?...Quantos anos vc tem?...E a sua foto do perfil e vc mesma?

    Xx ManuuxX

    ResponderExcluir
  3. Nossa q perfeito mds...Ah não acabe comigo TIY foi a primeira fic q eu viciei msm vei...Ah posso te perguntar uma coisa?...Quantos anos vc tem?...E a sua foto do perfil e vc mesma?

    Xx ManuuxX

    ResponderExcluir
  4. meu Deus que perfeito nossa vc e perfeita ta de parabéns choreii aqui ameiiii

    ResponderExcluir
  5. Amei, muito lindo <3 <3

    ResponderExcluir
  6. ALELUIA, UM IMAGINE DIGNO DE VERDADE... Amei muito...

    ResponderExcluir